Sábado
04 de Dezembro de 2021 - 

Intranet

Clientes / Advogados

Notícias

Boletins

Assine e receba nossas atualizações jurídicas

Bolsas de Valores

Bovespa 0,92% . . .
Dow Jone ... % . . .
NASDAQ 0,02% . . .
França 0,43% . . .
Japão 1,86% . . .
S&P 500 0,31% . . .

Cotação de Câmbio

Moeda Compra Venda
DOLAR 5,64 5,64
EURO 6,36 6,37
IENE 0,05 0,05
GUARANI 0,00 0,00
LIBRA ES ... 7,46 7,46
PESO (ARG) 0,06 0,06

Webmail

Institucional / Colaboradores

Previsão do tempo

Hoje - Brasília, DF

Máx
27ºC
Min
19ºC
Chuva

Domingo - Brasília, D...

Máx
26ºC
Min
19ºC
Chuvas Isoladas

Hoje - Niterói, RJ

Máx
24ºC
Min
20ºC
Parcialmente Nublado

Domingo - Niterói, RJ

Máx
26ºC
Min
20ºC
Predomínio de

Hoje - São Paulo, SP

Máx
27ºC
Min
15ºC
Predomínio de

Domingo - São Paulo, ...

Máx
28ºC
Min
18ºC
Parcialmente Nublado

Hoje - Rio de Janeiro,...

Máx
25ºC
Min
21ºC
Parcialmente Nublado

Domingo - Rio de Janei...

Máx
26ºC
Min
21ºC
Predomínio de

27/10/2021 - 15h37Exposição "Olhares de Minas" é aberta no TJMGMostra traz parte do acervo particular do desembargador José Américo Martins da Costa

A mostra, aberta nesta quarta-feira, exalta a riqueza e a persidade de Minas Gerais (Crédito: Mirna de Moura/TJMG) Foi inaugurada nesta quarta-feira (27/10), no Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), a exposição “Olhares de Minas”, com parte do acervo particular do desembargador José Américo Martins da Costa. São onze pinturas, de quatro artistas, que retratam paisagens, naturezas-mortas, casas e igrejas, em cenas muito familiares ao povo mineiro. São imagens que costumam ficar guardadas com carinho na memória e no coração das pessoas. A mostra, que traz os olhares dos artistas mineiros Sebastião Fonseca, Nazareno Alta Vila, Mira Maria Ephigenia Pietra e Sonia Brito, pode ser visitada até 12/11, no saguão do Edifício Sede do TJMG, que fica na Avenida Afonso Pena, 4.001, bairro Serra, na capital. Estiveram presentes na solenidade de abertura da exposição o 2º vice-presidente do TJMG, desembargador Tiago Pinto, representando o presidente Gilson Soares Lemes; o superintendente de Comunicação Institucional, desembargador José Américo Martins da Costa; os desembargadores Afrânio Vilela, Ana Paula Caixeta e Mariângela Meyer Pires Faleiro; o juiz auxiliar da Presidência Rui de Almeida Magalhães; o juiz auxiliar da 1ª Vice-Presidência, Rodrigo Martins; e o diretor de Comunicação do TJMG, Sérgio Galdino, além de outros magistrados, servidores, colaboradores, estagiários e público em geral. Minas plural Em mensagem lida pelo desembargador Tiago Pinto, o presidente Gilson Lemes disse que a ideia da exposição é exaltar a riqueza e a persidade desse Estado tão plural, que carrega a história das 297 comarcas, com 853 municípios. “Minas Gerais reúne comunidades persas, que se unificam no orgulho de suas raízes, no reconhecimento de um sentimento de ‘mineiridade’ e na percepção de pertencimento ao nosso Estado e ao Judiciário mineiro”, ressaltou. O desembargador José Américo trouxe parte de seu acervo pessoal para ser compartilhado com o público: "Toda obra de arte deve ser exibida" (Crédito: Mirna de Moura/TJMG) “A arte é uma linguagem universal e atemporal, que tem o condão de tocar os mais diferentes públicos e de humanizar os ambientes”, destacou o presidente do TJMG em seu texto. Segundo ele, em tempos em que as pessoas estiveram por tantos meses privadas de frequentar galerias de arte, museus e exposições, devido à pandemia de covid-19, é especialmente louvável que o espaço de trabalho possa também se prestar a proporcionar o contato com a arte. O presidente do TJMG agradeceu o desembargador José Américo pela gentileza em compartilhar com todos parte de seu acervo pessoal. Ele disse que, como superintendente de Comunicação Institucional, o magistrado tem acompanhado de perto a construção de uma comunicação pública transparente e de qualidade, que tem aproximado o Judiciário mineiro de seus públicos interno e externo. “Esta exposição é mais um gesto nesse sentido”, enfatizou. Espaço cultural O desembargador Tiago Pinto ressaltou a honra e a alegria em participar da abertura da exposição. Ele se declarou um amante das artes e disse que também possui em casa algumas obras de artistas mineiros. O magistrado falou ainda sobre a importância de ver o saguão do Tribunal ativado como um espaço cultural. “Além de conhecimento, as obras de arte produzem humanismo. Seu relacionamento com o homem mais que transcende o campo pessoal, passando a ser uma ligação espiritual e de fundamental relevância para a convivência das pessoas.” Habilidade crítica Na oportunidade, o desembargador José Américo explicou que os quadros expostos pertenciam aos seus saudosos pais, que eram amigos do pintor Sebastião Fonseca. Para o magistrado, as obras de arte não devem ser guardadas, mas sim exibidas, com o objetivo de propiciar ao espectador um aprimoramento cultural e o desenvolvimento de sua habilidade crítica. A abertura da exposição contou com a presença de magistrados, servidores e colaboradores da Justiça (Crédito: Mirna de Moura/TJMG) De acordo com o superintendente de comunicação do TJMG, Minas Gerais é um dos estados do Brasil com cultura e história mais marcantes, evidenciadas por suas belas cidades antigas e pelos encantos de um povo hospitaleiro e gentil. “Os costumes estão estampados no rosto e nas maneiras dos mineiros, o que faz de Minas um cantinho especial”, ressaltou. O desembargador José Américo destacou ainda que a exposição “Olhares de Minas” retrata um pouco da mineiridade presente em cada região do Estado, inclusive em Belo Horizonte. “São traços únicos das Minas Gerais, marcas impressas no modo único de se portar, na arte de bem receber e bem servir. O importante é a essência e a cultura do nosso povo, que tem presença de espírito, o nosso jeito de ser!”, concluiu. Veja mais fotos da exposição. Diretoria de Comunicação Institucional – Dircom Tribunal de Justiça de Minas Gerais – TJMG (31) 3306-3920 imprensa@tjmg.jus.br instagram.com/TJMGoficial/ facebook.com/TJMGoficial/ twitter.com/tjmgoficial flickr.com/tjmg_oficial  
27/10/2021 (00:00)
© 2021 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Visitante nº  3551209
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.